PETRA GT352

GT352

Novo

CATEDRAL DO MOSAICO

LINHA PETRA

MATERIAL

Pastilha De Pedra, Pastilha de Vidro

COR

Pedra

SUPERFICIE

Brilho, Fosca

PESO

2,7 kg

AMBIENTE

Área Molhada, Pastilha Para Banheiro, Pastilha Para Cozinha

ÁREA DE APLICAÇÃO

Paredes Externas, Paredes Internas

DIMENSÃO

30 x 30 cm

ESPESSURA

8 mm

Mais detalhes

Nenhum ponto de bônus para este produto.


Mais informações

INFORMAÇÕES COMERCIAIS

  • Espessura média peças: 4 mm
  • Dimensões nominais placa: 30×30 cm
  • Placas/caixa: 5 placas
  • M²/caixa: 0,45
  • Peso/caixa: 7,3 Kg

DADOS TÉCNICOS

  • Absorção de água: 0%
  • Resistência à gretagem: SIM
  • Coeficiente de atrito úmido: 0%
  • Variação de Tonalidade: Classe V4
  • Prazo de validade: Classe 1

LEIA ANTES DO ASSENTAMENTO

CARACTERÍSTICAS

As pastilhas da Linha Petrus, são de produção artesanal e podem apresentar leve variação de tonalidade em sua composição nas peças da própria placa, de placa para placa, entre caixas e entre lotes devido ao processo produtivo.
Recomendamos que seja feita a montagem de um painel com as placas soltas, para que seja verificado se o resultado obtido é o esperado, sob este aspecto, reclamações pós-colocação não serão aceitas.

IMPORTANTE

A areia pode provocar riscos em qualquer tipo de revestimento (pedra, madeira, vinil ou revestimentos vítreos), por este motivo, revestimentos vítreos não têm garantia contra riscos, em especial os produtos com superfície brilhante.

IMPERMEABILIZAÇÃO

Áreas expostas à umidade devem ter o local previamente impermeabilizado antes da execução do emboço para evitar eflorescências através das juntas das pastilhas.

INDICAÇÃO DE USO

Revestimentos vítreos brilhantes são indicados para paredes internas, nunca para pisos.
Demais locais sob consulta.

FIXAÇÃO E REJUNTAMENTO

Para a fixação das pastilhas da linha PETRUS é indicada a argamassa do tipo ACIII. As pastilhas com efeito craquelê GS095-1 E GS099-2, não podem ser batidas com tolete de madeira, martelo de ferro ou talhadeira, pois com o impacto da batida as pastilhas se estilhaçam e se desagregam.
Para o rejuntamento podem ser utilizados rejuntes comuns para pastilhas de vidro ou a própria argamassa de fixação das pastilhas. Os modelos com TRAVERTINO, peças com cavidades em sua superfície, requerem um cuidado especial na aplicação do rejunte. Na limpeza pós-colocação, os furos precisam ser esvaziados antes da secagem do rejunte.
Rejuntes coloridos, fortemente contrastantes com as pastilhas de pedra natural devem ser evitados pois podem manchá-las.

RECOMENDAÇÃO PARA USO

1. Utilize aproximadamente 1m² por vez de argamassa na superfície de aplicação utilizando o lado liso da desempenadeira de aço. Em seguida utilize o lado dentado para formar os sulcos. Simultaneamente passe a argamassa no tardoz da placa com a mesma ferramenta.

2. Aplique a placa de pastilha pressionando-a com as mãos, apoie um batedor de borracha na placa e bata suavemente com um martelo de borracha. Não utilize batedor de madeira e martelo ou talhadeira de ferro, por serem muito rígidas, estas pastilhas ao menor impacto se quebram. Com a placa totalmente assentada, passe o rejunte na parte frontal da placa com o rodo ou desempenadeira de borracha preenchendo as juntas totalmente.

3. Quinze minutos após o rejuntamento, utilize uma esponja úmida para limpeza e acabamento alisando suavemente a junta, buscando um acabamento acetinado. Não utilize na limpeza ou manutenção das pastilhas produtos químicos que contenham ácidos em sua composição, pois estes mancham as pastilhas e degradam as juntas, prejudicando a fixação.

29 Outros produtos na mesma categoria: